quinta-feira, abril 22, 2004

I Can't Watch This!

Chegou a vez do clássico recomendado por Nikolas "Gláuber" Capp, o filme em que o assassino é nada mais, nada menos, que um boneco de neve. Sim, acertaram, hoje falaremos de Jack Frost!!!!!!

Jack Frost (FROST, JACK), 1997
de Michael Cooney
escrito por Michael Cooney e Jeremy Paige

No começo do filme, já se percebe a porquice. Prestem atenção nos créditos iniciais do filme, e vejam que eles em nenhum momento se levaram a sério. Graças a Deus.

Jack Frost (Scott MacDonald) está sendo levado para a prisão. Ele é um assassino procurado, e morrerá na cadeira elétrica. A viatura tem alguns problemas de percurso (como bater em um caminhão levando ácido) e Jack escapa. Mas quando está prestes a matar o motorista do carro, é atingido por todo o ácido, nos proporcionando uma das cenas mais porcas e mal feitas da história do cinema...


O famigerado Jack Frost, antes do banho de ácido


O problema é que ele se funde com a neve, e vira um ser feito de neve, que pode se derreter, e tal, e se locomover na forma de H2o. Simplesmente escroto.

O herói do filme é um policial tiozão da cidade, Sam (Christopher Allport) que tem sua família e tal, e um filho, Ryan (Zack Eginton), que cozinha mais do que o comum para uma criança. E isso não significa que ele cozinhe bem... Só que ele cozinha muito.


Sam, o herói policial, tiozão e pai de família


Bom, Jack Frost sai matando o povo da cidade como já é esperado. As mãos de Jack são mãos com luvas de forno, sabem aquelas de pegar bolo? O boneco de neve é feito de espuma. Uma das mulheres que morre é claramente um manequim, enfiado em luzes de Natal. Jack enfia a cara da mulher nas luzinhas da árvore, e ela fica toda enfeitada. É incrível.


Jack Frost em sua forma mais feita de espuma


Nesse filme aparece a eterna peladona Nadia de American Pie, Shannon Elisabeth, uma safada. E faz papel de safada, como em 90% dos filmes em que participa. Jill Metzner (Shannon) e um carinha invadem a casa do tiozão policial para meter lá (Pô, tanto lugar, vão na casa do policial?). A menina sobe as escadas para tomar banho (na casa dos outros?) e o carinha fica sozinho na cozinha. Adivinham o que acontece? Bom, com o cara morto (com um pedaço de gelo, sabe tipo estalactite?), resta Jill (mulher safada sempre morre). Ela está lá na banheira, e Jack congela a banheira. Depois tira a cenoura do nariz, coloca em... hm... um lugar estratégico, digamos, e trepa com a menina. Imaginem a cena e vocês verão como isso é ridículo. Daí, ela morre. Meio sem sentido, mas essa é a participação dela no filme...


Nossa querida Shannon Elisabeth, ou Nadia, de American Pie... Perto de sua morte


Chamam Agente Manners (Stephen Mendel), do FBI, e seu assistente Stone (Rob LaBelle) para ajudar a pegar Jack. Como se mata um boneco de neve? Com secadores de cabelo!. Sim, sim sim. Mas a besta não morre. Aí eles abrem uns inseticidas e fecham todas as portas, para tacar fogo no lugar onde estão. Dá tudo certo, o bagulho explode. Mas Jack só fica meio atordoado. Jack mata uns aí (isso inclui os dois do FBI, sendo que Stone foi o criador da bagaça que fez Jack reviver. Enfim...) , e sobram apenas o policial e seu fiote. Eles entram no carro, mas lá está Jack. Com nada a fazer, eles tacam um bolinho que o moleque tinha feito, e Jack começa a derreter. O babaca tinha posto anti-congelante no bolinho, para o pai não sentir frio, se o comesse. Que gênio... Sam, comece a bater em seu filho, por favor.


Acho que isso exemplifica a porquice do filme... Jack pronto para comer Stone


Aí eles enchem a carroceria da caminhonete de anti-congelante e dão um jeito de jogar o Jack lá. E fim, ele derrete. Colocam ele num recipiente e enterram... Mas pelo final, parece que haverá uma sequência... E há! Jack Frost 2: Revenge Of Mutant Killer Snowman, de 2000. Infelizmente, ainda não o achei em nenhuma locadora. Se for achado, pode ter certeza que estará aqui em breve...

Fotos do site BadMovies.Org

Um comentário:

Anônimo disse...

Onde acha esse filme para download?