quarta-feira, junho 22, 2005

Reinventando Sons Consagrados


Emerson Nogueira, o mestre das covers


Covers são versões de músicas de outros artistas, como todo o planeta já sabe. Normalmente, as covers são parecidas com as músicas originais, tentando fazer a cover o mais próximo possível do original. Porém, existem covers que fogem dessa regra, indo no caminho completamente oposto: o ritmo é mudado, a letra é traduzida para outra língua, entre outras desconstruções da canção original.

E não é que às vezes diverte até mais que a música original? Segue uma lista de algumas covers destruidoras, de preferência deixando a música irreconhecível, seja isso bom ou ruim...

The Unplay - "A Luz Se Move"
Esse disparate é uma versão para o português de "Used To Love Her", hit da banda da franga cantante Axila Cor-de-Rosa, os Guns'N'Roses. A letra fica belíssima, como o título já mostra. Vejam a semelhança fonética (e somente isso) de "Used To Love Her" e "A Luz Se Move".

Hayseed Dixie - "Back In Black"
O Hayseed Dixie faz versões country (com banjo e tudo) para clássicos do AC/DC. Não é bem country, é bluegrass, aquela música de caipira americano. Só ouvindo para saber como fica. Recomendo "Back In Black", por ser um dos maiores clássicos do AC/DC, mas muitas outras músicas da banda estão disponíveis em versão bluegrass. Aliás, não só do AC/DC, também tem versões do Kiss (Imaginem "Love Gun" com banjo. Imaginou?), e Mountain Love. Mas... que porra de banda é Mountain Love? Eu não sei.

The King - "Whiskey In The Jar"
O Metallica havia feito uma cover do Thin Lizzy em seu disco Garage Inc., com "Whiskey In The Jar". Agora, imagine a mesma cover, só que feita pelo Rei. Não, não o Pelé, nem o Supla. O Rei. O Rei do rock Elvis Presley! Um dos inúmeros imitadores de Elvis fez esse serviço de utilidade pública para todos nós. É um caso de cover da cover, ou cover².

Barão Vermelho - "Malandragem Dá Um Tempo"
A versão rock para o clássico de Bezerra da Silva foi aprovada até pelo próprio. Usando um riff inspirado na música "Low Rider", sucesso dos anos 70, o Barão usou essa música pra levantar as vendas de seu disco "Álbum", só de covers.

Apocalyptica - "Master Of Puppets"
O Apocalyptica nasceu fazendo cover do Metallica com um quarteto de cellos. Parece bizarro, mas fica incrível. Eu recomendo "Master Of Puppets", uma das melhores, na minha opinião. Ouça também as versões do Apocalyptica para músicas do Faith No More, Sepultura, entre outros.

Falcão - "Amolda O Bicho Na Parede"
A versão do Falcão pra "Another Brick In The Wall", do Pink Floyd, foi vetada de ser gravada. Segundo o próprio Falcão, "aquele corno, o Roger Waters, me proibiu de tocar a música dele. Mas também, agora tá decidido: ele também não pode tocar nenhuma música minha!". Pra quem não conhece a versão do Falcão, é aquela: "Atirei o pau no gato... Mas o gato não morreu"...

Alien Fashion Show - "Detroit Swing City"
A versão big band swingada do clássico do Kiss "Detroit Rock City". Sem mais explicações.

Bloco Vomit - "Should I Stay Or Should I Go"
O que acontece quando um bando de escoceses bêbados adoradores de samba e maracatu resolvem tocar punk? Acontece o Bloco Vomit. Suas covers maracatu sambísticas de clássicos do punk não ficam devendo em nada para as originais, trazendo batidas bizarras nunca dantes imaginadas por Joe Strummer ou Johnny Rotten, ou quem quer que seja. Indescritivelmente bizarro.

Joey Ramone - "What A Wonderful World"
Joey, o pai do punk, e sua voz anasalada, mostram que a música mais clássica do rouco Louie Armstrong podia muito bem ser uma canção dos Ramones.

Joss Stone - "Fell In Love With A Boy"
Mudando o sexo do personagem da canção dos White Stripes, a belíssima e xtosa loirinha Joss Stone transformou a música em uma bela pérola soul, longe da gritaria de Jack White na (ótima) versão original.

Dread Zeppelin - "Black Dog"
Led Zeppelin. Reggae. Elvis. Misture tudo num liquidificador e você tem a bizarra banda Dread Zeppelin. Uma banda que toca versões reggae para clássicos do Zeppelin, com um vocalista que incorpora Elvis "The Pelvis" Presley em sua fase mais gorda, e assume a alcunha de Tortelvis. Não, não tem como ficar mais bizarro que isso.

Easy Star All Stars - "Time"
O Easy Star All Stars gravou "The Dub Side Of The Moon", uma versão reggae/dub para todo o disco "The Dark Side Of The Moon", um dos melhores do Pink Floyd. E não é que ficou bom? Procure no Soulseek e comprove, os caras conseguiram fazer algo de qualidade misturando dub, Floyd e reggae.

Los Hermanos - "Vou Tirar Você Desse Lugar"
Só mesmo os Hermanos pra transformar uma música do "terror das empregadas" Odair José em algo que se aproxima do romântico sem soar brega. Na voz de Rodrigo Amarante, a canção sobre um cara que se apaixona por uma prostituta nem parece coisa do mesmo cara que cantava "Revista Proibida" e "Pare de Tomar A Pílula".

Libera O Badaró - "Nosso Lindo Balão Azul"
E se essa música fosse um metal? E se no final, tivesse uma canja do Pavarotti? Pois é, o Libera O Badaró (famosos pela pérola "Jesus Negão") o fez. Merecem também uma audição as pérolas "Unidunitovsky", versão russa pro clássico do Trem da Alegria, e "Escravos de Jah", versão reggae pra a canção folclórica. "Regueiros com regueiros fazem ziggy Ziggy Marley..."

S.H.A.P.T. - "Aí Vem Os Shapt"
Versão metal de "Aí Vem O Chaves", o popular tema da série mexicana que é alvo de disputa pelas emissoras. O S.H.A.P.T. também tem versão metal para Wando, para Lua de Cristal, da Xuxa (que virou Lua de Metal)...

Entre muitas outras. Nem vou entrar no mérito das versões punk e ska de músicas, porque tem de tudo que é música. Até a música do Tetris tem versão ska, pra se ter uma idéia.

Quem quiser ouvir algumas das covers inimitáveis descritas, entre em Rockwave, na sessão "Rádio Interativa, em Inimitáveis Covers. As mais bizarras estão lá, algumas até que nem citei aqui.

Divirta-se, e se quiser, faça uma cover você também! Emerson Nogueira ficaria orgulhoso!

7 comentários:

disse...

Jão, cê esqueceu da versão bizarra de "Comfortably Numb" dos Scissors Sisters e da tradução country-brega que fizeram pro tema de "Top Gun"("Se é amor não sei..."), que acho que foi feita pelo Gino & Geno ou Alan & Alladin, sei lá...

Léo disse...

Primeiro...Zé, jamais desacate Gino & Geno!..naum é deles essa perola...

segundo...jaum, tem uma musica q a celine dion "coverizo" do Daniel!...hahaha...é demais...pelo menos ele lanço antes q ela!

E só pra consta...O cd novo do Foo Fighters é sem comentários...bom pra caralhaaaaaaaaaaa

KK disse...

deu vontadede escutar.......pena qaki naum tenho caixasde som.....=//


bjobjo


KK

Camilla disse...

Oieeeee
Só queria te falar um oi e dizer que Bloco Vomit eh demaissss!!
Adorei seu Blog!!
Bjusss

Renan disse...

Fiquei com vontade d escutar alguns desses covers!!
Totalmente inspirado em Covernation hein!! Aquele belíssimo programa.
Sem falar q sandy Jr é tbm mestre nisso. Fala uma música deles q num é um cover mequetrefe!!

João disse...

Hmmmmm... Deixe-me pensar...

"A Lenda"?

Não é cover, é?

Anônimo disse...

I really like your san diego related blog site. I have a san diego related web site at san diego. If you're into san diego. You will want to check it out.