sexta-feira, janeiro 23, 2009

Entre nessa fossa



Fossa pode significar duas coisas. Fossa (construção) - espaço físico para armazenar detritos (ex: fossa séptica) oriundos de esgotos ou para enterrar defuntos / Estar passando por uma fase ruim, estar mal. E no fim, elas não são tão diferentes assim. Para você, que está em qualquer uma das duas fossas (e se estiver nas fossas nasais, me explique como fez isso), segue uma lista de 5 músicas para servirem de trilha sonora para sua tristeza profunda.

5 - The Offspring - "Gone Away"
A música que Dexter Holland (supostamente ) fez para uma amiga que morreu realmente me faz lembrar de todos que já se foram e deixaram saudade. Mesmo com a voz esquisita do Dexter, a música tem uma carga emocional gigante, e uma letra sensacional.
Ápice da fossa: "It feels like the world has grown cold now that you've gone away"

4 - Slipknot - "People = Shit"
Eu tenho mais músicas de ódio do que de fossa. Normalmente, quando estou triste, eu ouço músicas pesadas e descontroladamente barulhentas pra tentar exorcizar tudo que está me fazendo mal. Essa música do Slipknot parece ser o que mais se aproxima da solução, já que é uma barulheira desgraçada dizendo tudo o que uma pessoa com raiva poderia dizer. Meio chorosamente, mas enfim. Se você prestar atenção no título da canção, perceberá que ela até se aproxima um pouco do outro significado que "fossa" pode ter...
Ápice da fossa: "Everybody hates me now, so fuck it. Blood's on my face and my hands, and I don't know why I'm not afraid to cry"

3 - Ira! - "Flores Em Você"
Essa eu nunca imaginei que fosse uma música de fossa. Inclusive, se você não presta atenção, acha que é apenas uma música bonitinha, de um cara apaixonado declarando o amor por sua menina. Mas não, veja só: "vejo flores em você". Quando você vê flores em uma pessoa? Quando ela está no caixão! Pois é, a música é de incrível rancor, informado à ex-amante que ela está morta e enterrada.
Ápice da fossa: "Nessa vida passageira, eu sou eu, você é você. Isso é o que mais me agrada, isso é o que me faz dizer que vejo flores em você"

2 - Supersuckers - "Pretty Fucked Up"
Mais uma musiquinha de fossa pós-término de namoro. Nessa, Eddie Spaghetti mostra que não vê mais nada em sua ex, e que despreza a pobre moça desde que ela o deixou. E mesmo vendo ela com outro cara, finge não sentir mais nada.
Ápice da fossa: "And I used to be strong, I used to be tough, and she used to be pretty, but now she's just pretty fucked up"

1 - Matanza - "O Último Bar"
Essa é o fundo do poço da fossa. Ali, nas profundezas da fossa, nosso personagem se embriaga até não poder mais pois sua amada o deixou. E quando o bar fecha... não há mais o que fazer. É o hino da depressão alcoólica assustadoramente pesada. Depois dessa, até o Jimmy London parou de molhar seus bigodes ruivos em qualquer coisa alcoólica.
Ápice da fossa: "O último bar quando fecha de manhã só me lembra que eu não tenho aonde ir. Bourbon tenho demais, mas que diferença faz se você não está aqui pra dividir?"

Pra rebater todo esse pessimismo alcoólico sentimental e raivoso, ouça esse contra feitiço feel good song:
Monty Python - "Always Look On The Bright Side Of Life"
A música mais otimista de todos os tempos. É a canção que diz que, mesmo quando você está morrendo, sempre há um lado bom na vida, e que você deve prestar atenção nele. No contexto do incrível filme "A Vida de Brian", fica melhor ainda! Se você ainda não assistiu, assista! Porque até uma crucificação pode ser divertida.

Agora, vá fuçar em outras fossas irmãs dessa aqui: a da minha Dri, da Amber, do Júlio César, do Nilson Jr., do Denis, da Flávia, da Sy, da Truculenta, da Lara, e da Andrea. Enjoy!